Ir para conteúdo

Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

PILLAH

A frente de esquerda é real: Lula cita relação de amizade e pede para receber Ciro Gomes, petistas e líderes estudantis

31 posts neste tópico

Posts Recomendados

Lula cita "relação de amizade" e pede para receber Ciro, petistas e líderes estudantis

 

e9d2f218-766c-4f3a-945e-450b3605cf19.jpe

 

Preso desde o dia 7, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) quer receber o pré-candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, além de integrantes do PT e lideranças estudantis. Lula encaminhou na tarde desta sexta-feira (20), por meio de seus advogados, um pedido à juíza federal Carolina Lebbos, responsável pela custódia do ex-presidente, em que diz que "não se opõe" a receber 10 visitantes, "registrando, adicionalmente, que deseja vê-los".

 

Todos eles pediram à Justiça para visitar o petista na Superintendência da Polícia Federal em Curitiba, onde Lula cumpre pena de 12 anos e um mês pela condenação no caso do tríplex, da Operação Lava Jato. Segundo os defensores do ex-presidente, os pedidos de visita devem ser acatados pela magistrada por conta da "relação de amizade" entre Lula e os que querem visitá-lo, o que estaria de acordo com a legislação sobre visitas a pessoas presas.

 

A Lei de Execução Penal diz que um preso pode receber "visita do cônjuge, da companheira, de parentes e amigos em dias determinados".

 

Representantes de PT e PDT têm mantido diálogo sobre a formação de uma frente de esquerda para as eleições deste ano. No entanto, o pré-candidato do PDT disse na segunda (16) que quer visitar Lula não para falar de política, mas como "velho camarada de mais de 30 anos".

 

Ao contrário dos pré-candidatos a presidente do PCdoB, Manoela D'Ávila, e do PSOL, Guilherme Boulos, Ciro não esteve no Sindicato dos Metalúrgicos, em São Bernardo do Campo (SP) no início deste mês, onde Lula passou seus últimos dois dias antes de se entregar à polícia cercado por militantes e aliados.

 

Além de Ciro Gomes, a defesa de Lula diz que ele também quer ser visitado pelas seguintes pessoas que pediram para vê-lo: Zeca Dirceu, deputado federal (PT-PR), Eduardo Suplicy, vereador pelo PT em São Paulo e ex-senador, Carlos Lupi, presidente do PDT André Figueiredo, líder do PDT na Câmara, Marianna Dias, presidente da UNE (União Nacional dos Estudantes), Pedro Gorki, presidente da Ubes (União Brasileira dos Estudantes Secundaristas), Luiz Marinho, ex-ministro de Lula e pré-candidato do PT ao governo de São Paulo, Paulo Pimenta, líder do PT na Câmara e Wadih Damous, deputado federal (PT-RJ).

 

Os pedidos de visitas a Lula têm sido constantes, mas nem todos têm sido aceitos pela juíza Carolina Lebbos. Na semana passada, ela deu ordem para impedir a visita de uma comitiva de nove governadores, dizendo que não havia "fundamento para a flexibilização do regime geral de visitas".

 

Carolina também negou uma inspeção pedida pelo ativista argentino Adolfo Pérez Esquivel, vencedor do prêmio Nobel da Paz em 1980. Entre outros motivos, a magistrada afirmou em sua decisão que não havia indicativo de violação de direitos de presos que justificasse a medida, nem amparo legal para tanto.

 

Além do pedido de inspeção, advogadas de Esquivel entraram com um pedido de visita ao ex-presidente, que ainda não foi analisado pela juíza. A defesa de Lula já havia sinalizado que o ex-presidente desejava ver Esquivel. O pedido foi feito antes deste feito na sexta à Justiça porque o Nobel da Paz estaria por pouco tempo no país --ele embarcou no início da tarde desta sexta de volta a Buenos Aires. 

 

Até o momento, Lula já recebeu visitas de parentes por duas vezes, na semana passada e nesta. O ex-presidente recebe seus advogados diariamente. Na terça (17), o ex-presidente foi visitado por 11 integrantes da Comissão de Direitos Humanos do Senado, que fizeram uma vistoria na Superintendência da PF em Curitiba. 

 

Exclusivo aos membros.

    Cadastra-se ou logue em sua conta para ver o conteúdo.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

O lula n pode ser burro de achar que haddad como candidato a presidência  tem chances, que o PT tem chances ou algum chato do psol. Melhor escolha essa aliança.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Publicidade

FACEBOOK

×