Ir para conteúdo

Arquivado

Este tópico foi arquivado e está fechado para novas respostas.

Tarciso Filho'

Colégio cria um dia temático 'Se nada Der Certo' e choca o Brasil

117 posts neste tópico

Posts Recomendados

Chocou nada e ninguém. Todo terceiro costuma ter esses temas ridículos e preconceituosos. Pior é o de troca de sexo

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

tadinhos KKKKKK

terceiro ano todo mundo acha que é só passar no vestibular que a vida tá feita

to aqui quase me formando numa faculdade boa e com o cu na mão pra hra de arrumar emprego

y1lziMF.png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, Marcus Rabelo disse:

tadinhos KKKKKK

terceiro ano todo mundo acha que é só passar no vestibular que a vida tá feita

to aqui quase me formando numa faculdade boa e com o cu na mão pra hra de arrumar emprego

y1lziMF.png

 

sim kkkkkkk, saudades dessa inocência

 

y1lziMF.png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, SURREAL disse:

Dependendo da condição da pessoa um desses empregos pode sim representar um progresso na vida, nem todo mundo tem as mesmas condições. Mas pra esses que tem oportunidades como esses alunos realmente seria visto como um fracasso, acho que o maior problema nisso tudo é esse estigma que se cria em torno de fracasso, sendo que é algo INEVITÁVEL, essas pessoas são criadas de uma forma que provavelmente não vão saber lidar com os fracassos da vida quando eles chegarem.

 

Verdade. Acho triste ver como são mesquinhos.

 

Vão a uma loja, compram McDonalds, pagam empregadas e desprezam tudo isso. Se veem como superiores e não como iguais.

 

E é um preconceito comum no Brasil.

 

Eu mesmo me formei há dois anos e não consegui trabalho em minha área. Tive que engolir o meu preconceito e encarar um emprego que as pessoas, como esses estudantes, não acham digno. Mas, digno, é trabalhar e pagar as próprias contas, coisas que eles ainda não aprenderam (e talvez jamais cheguem a entender).

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
23 minutos atrás, romulo. disse:

Eu mesmo já fui vendedor de calçados, já teve até cliente tentando me humilhar por isso.

Era uma profissão como qualquer outra sim, ganhava meu dinheirinho, mas ralava demais e engolia muito sapo e na época eu precisava demaaaaaaaais, fiquei dois anos.

 

Hoje em dia é uma profissão que eu sinceramente não voltaria mais, acho que só se tivesse passando fome mesmo.

Mas o problema e justamente esse amore. Nem todo mundo tem ou vai ter condição de escolher como e o que quer trabalhar e e muito triste ver essa geração nova com pouca consciência de classe vendo tudo de um jeito tão futil e leviano

xakPkx1_d.jpg

E fora que olha o naipe das crianças. Devem respirar elitismo desde que tavam no utero

xakPkx1_d.jpg

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
1 minuto atrás, losjrx disse:

 

Verdade. Acho triste ver como são mesquinhos.

 

Vão a uma loja, compram McDonalds, pagam empregadas e desprezam tudo isso. Se veem como superiores e não como iguais.

 

E é um preconceito comum no Brasil.

 

Eu mesmo me formei há dois anos e não consegui trabalho em minha área. Tive que engolir o meu preconceito e encarar um emprego que as pessoas, como esses estudantes, não acham digno. Mas, digno, é trabalhar e pagar as próprias contas, coisas que eles ainda não aprenderam (e talvez jamais cheguem a entender).

 

com certeza, e como eu disse antes, gente com esse pensamento vai sofrer muito mais quando começar a levar os tombos da vida, que cedo ou tarde vem

 

y1lziMF.png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Mesmo sendo "brincadeira de 3ão" achei muito de mal gosto, como se pessoas que trabalhassem nessas funções fossem inferiores e fracassados.

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
34 minutos atrás, romulo. disse:

É complicado, são profissões dignas como qualquer um e acho que ninguém merece ser rebaixado por isso, achei desnecessário o tema.

 

Mas também não podemos ser hipócritas de dizer que essas profissões são maravilhosas e o sonho de criança de todo brasileiro pq não são né

seu comentário foi de nada a lugar nenhum.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Tomara que todos reprovem, do terceiro ano e de todos vestibulares possíveis

 

 

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

No meu terceiro ano teve isso, as fantasias tematicas. Só que não tivemos nenhum tema problematico, nos anos anteriores tinha o dia do mendigo, achavamoa que não seria legal zombar da situação que um mendigo vive. Então trocamos para o dia do brega, onde todo mundo usava roupas bregaa (avá). Fora isso teve o dia do troca (homem de mulher, mulher de homem), dia do pijama, dia da profissão e dia da fantasia livre. Kkkkkkk lembro até hoje do meu amigo fantasiado de wonder womar e outro de Dilma.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Podre, um pesamento super elitista e tecnocrático que ainda existe infelizmente

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites
Visitante
Este tópico está impedido de receber novos posts.

Publicidade

FACEBOOK

×