Ir para conteúdo

Couter

ARTISTA Adele (A4 is coming)

641 posts neste tópico

Posts Recomendados

OZN77wX.png

Spoiler


Adele Laurie Blue Adkins é uma cantora, compositora e multi-instrumentista no bairro de Tottenham, em Londres, Reino Unido.

 

Começou a cantar aos quatro anos de idade e iniciou sua carreira no cenário artístico em 2006, após se graduar na BRIT School for Performing Arts and Technology (local onde também estudaram nomes como Kate Nash, Amy Winehouse e Jessie J) e assinar um contrato com a XL Recordings. Adele foi descoberta pela gravadora através de 3 demos musicais feitas para um projeto de classe do último ano do colegial, que acabaram sendo postadas em seu perfil na rede social MySpace pelo seu amigo.

 

INFLUÊNCIAS MUSICAIS

giphy.gifWillingPointedFairybluebird-size_restricted.gifJointComplexGyrfalcon-max-1mb.gifgiphy.gifgiphy.giftumblr_mhohi46dtb1r8fe7uo1_250.gif

  • Uma das primeiras influências de Adele foi Gabrielle que tem admirado desde os cinco anos de idade. Nos tempos de escola de Adele, sua mãe fez um tapa-olho com lantejoulas, inspirado em Gabrielle, que ela usou para atuar como a estrela nascida de Hackney num concurso de talentos da escola.
  • Adele também cita as Spice Girls como grande influência em relação ao seu amor e paixão pela música, afirmando que "elas me fizeram o que sou hoje". Adele as personificava durante jantares em família quando era criança e afirmou que ficou "de coração partido" quando sua integrante favorita, Geri Halliwell, a Ginger Spice, deixou o grupo.
  • Depois de se mudar para o sul de Londres, ela se interessou por artistas de R&B, como Aaliyah, Destiny's Child e Mary J. Blige.
  • Outra vez, Adele disse que um dos momentos mais marcantes em sua vida foi quando ela assistiu Pink se apresentar na Brixton Academy em Londres. Ela afirma: "Foi o álbum Missundaztood, então eu tinha uns 13 ou 14 anos. Eu nunca tinha visto alguém cantar daquela forma ao vivo [...] Eu me lembro de sentir como se estivesse em um túnel de vento e sua voz me atingindo. Foi incrível".
  • Em 2002, aos 14 anos, Adele descobriu Etta James e Ella Fitzgerald quando passou pelos álbuns das artistas na seção de jazz de sua loja de música local. Ela foi atraída pela aparência das capas dos álbuns. Adele afirma que, em seguida, começou a ouvir Etta James "cada noite por uma hora", e no processo estava começando a conhecer sua própria voz.
  • O primeiro álbum de estúdio de Amy Winehouse, Frank, a inspirou a começar a tocar guitarra e violão, afirmando: "Se não fosse Amy e Frank, eu não teria pegado numa guitarra, não teria composto 'Daydreamer' ou 'Hometown'... E compus a 'Someone Like You' na guitarra também (...) Se não tivesse ouvido o Frank isto não teria acontecido".
  • Ela também afirmou que, ao crescer, ela ouviu Sinéad O'Connor, The Cure, Dusty Springfield, Celine Dion, Annie Lennox, Aretha Franklin, Carole King, Roberta Flack e Dolly Parton. Além disso, ela idolatra e se inspira em Beyoncé desde sempre.

 

VOZ

Alguns profissionais identificam a voz de Adele como um mezzo-soprano com um alcance que vai de C3 a B5. No entanto, relatou a rádio Classic FM, que sua voz é frequentemente confundida com um contralto devido à aplicação de uma tensa mistura no peito para alcançar suas notas mais baixas, enquanto também notou que sua voz se torna mais clara quando ela sobe no registro, particularmente de C4 a C5.

  • A Rolling Stone relatou que após a cirurgia na garganta sua voz tornou-se "notavelmente maior e mais pura-tonificada", e que ela tinha adicionado quatro notas mais altas ao seu alcance vocal.
  • Em uma revisão de 19, The Observer publicou: "A maneira como ela esticou as vogais, seu fraseado maravilhoso, o puro prazer absoluto de sua voz, se destacou ainda mais; pouca dúvida de que ela é uma cantora rara".
  • A BBC Music escreveu: "Suas melodias exalam calor, seu canto é ocasionalmente impressionante e, ... ela tem faixas que fazem Lily Allen e Kate Nash soarem tão comuns quanto são".
  • Para os seus comentários de 21, no The New York Times, o crítico de música Jon Pareles elogiou o timbre de Adele, comparando-a a Dusty Springfield, Petula Clark e Annie Lennox: "[Adele] pode ferver, soluçar, raspar ou cantarolar, mas a forma como performa faz atrair mais atenção para a música do que para a cantora".
  • Tom Townshend, do portal MSN, a declarou "a melhor cantora de nossa geração".


 

XqD9pWl.png

Spoiler

 

25 ERA

  • Álbum: 20,500,000 | 25m (SPS)
  • Canções: 18,300,000 | 40.3m (SPS)
  • +6.3 bilhões de streams (Spotify + YouTube)
  • +38 milhões de vendas puras (Álbum + Canções)
  • 2º maior álbum da história (iTunes)
  • #1 no iTunes em 114 países (Álbum)
  • 205 dias em #1 no iTunes Mundial (Álbum)
  • Maior debut da história, vendendo mais de 5,700,000 cópias mundialmente na primeira semana
  • Maior debut da história no USA, vendendo mais de 3,380,000 cópias na primeira semana
  • Maior debut da história no UK, vendendo mais de 800,000 cópias na primeira semana
  • 2º maior álbum da década
  • Mais de 30 #1s em Charts Oficiais
  • Mais de 50 prêmios vencidos
  • 5x Grammy Awards
  • 5x BRIT Awards
  • 5x Billboard Music Awards
  • 6º álbum feminino a ultrapassar 2 bilhões de streams no Spotify
  • 3 certicados de Diamante
  • 155 certificados de Platina
  • 11 certificados de Ouro
  • 2 certificado de Prata

 

21 ERA

  • Álbum: 30,200,000 | 38.2m (SPS)
  • Canções: 59,300,000 | 86.3m (SPS)
  • +5.9 bilhões de streams (Spotify + YouTube)
  • +89 milhões de vendas puras (Álbum + Canções)
  • Mais de 30 #1s em Charts Oficiais
  • #1 no All-Time Billboard 200
  • Maior álbum da história (iTunes)
  • #1 no iTunes em 98 países (Álbum)
  • 466 dias em #1 no iTunes Mundial (Álbum)
  • Álbum feminino que mais tempo passou na Billboard 200
  • 4º álbum mais vendido da história no UK, com mais de 5.1 milhões de unidades vendidas
  • Primeiro álbum na história do chart britânico a vender 3 milhões de cópias em um ano
  •  Primeiro álbum a ser o mais vendido em dois anos consecutivos desde "Thriller" do Michael Jackson
  • Primeiro álbum a vender +1 milhão de cópias no Canada, Austrália, UK, França e Alemanha desde 1986
  • Maior álbum do século XXI
  • 4º álbum feminino mais bem sucedido da história
  • Mais de 90 prêmios vencidos
  • 7x Grammy Awards
  • 2x BRIT Awards
  • 13x Billboard Music Awards
  • 10x Guinness World Records
  • 12º álbum feminino a ultrapassar 2 bilhões de streams no Spotify
  • 16 certificados de Diamante
  • 275 certificados de Platina
  • 19 certificados de Ouro
  • 2 certificados de Prata

 

19 ERA

  • Álbum: 8,500,000 | 10.7m (SPS)
  • Canções: 14,700,000 | 24.1m (SPS)
  • +1.5 bilhões de streams (Spotify + YouTube)
  • +23 milhões de vendas puras (Álbum + Canções)
  • #1 no iTunes de 14 países (Álbum)
  • 16º maior álbum feminino da história do iTunes (66º no geral)
  • 3 #1s em Charts Oficiais
  • 2x Grammy Awards
  • 1x Critics' Choice Awards
  • 1x BRIT Awards
  • 5º álbum feminino mais vendido da década no UK
  • 39 certificados de Platina
  • 12 certificados de Ouro

 

4ovWKgu.png

Spoiler

 

25 ERA

 

21 ERA

 

19 ERA

 

p4Y4Wl5.png

Spoiler

 

Sempre muito discreta, Adele é conhecida por pouco gostar de multidões ou fazer muitos shows. Em sua carreira, ela fez as duas primeiras turnês entre clubes de shows e teatros.

 

  • A primeira foi feita entre 2008 e 2009 para promover o disco debut 19 (2008) e contou com shows apenas entre Europa e América do Norte e foi intitulada de An Evening with Adele. A turnê contou com 71 shows, para um público de mais de 93 mil espectadores e rendeu mais de $2.4 milhões de arrecadação.
  • Para promover o segundo álbum de sucesso estrondoso, 21 (2011), a cantora entrou na turnê chamada Adele Live com shows novamente apenas entre América do Norte e Europa e com carga de shows ainda menor que a anterior. A turnê contou com 49 shows, para um público de mais de 116 mil espectadores e rendeu mais de $5.4 milhões de arrecadação.
  • Sua primeira arena-tour foi realizada em 2016 para promover o álbum 25 (2015) e contou com 107 datas naquele ano. Para o ano seguinte (2017) a cantora apresentou um novo layout para o palco em formato central e marcou apenas estádios entre Oceania e na Europa (apenas com dois shows em Londres). Adele Live 2016-2017 teve 120 shows, para um público de mais de 2.4 milhões de espectadores e rendeu aproximadamente $278.8 milhões de arrecadação.

5qJnifh.jpg

  • Juntas, a duas primeiras mini turnês da cantora não somam $10 milhões, o que deixa praticamente toda a renda da carreira focalizada na terceira turnê.
  • O pico de arrecadação tanto na área doméstica quanto na estrangeira foi na última turnê entre 2016 e 2017. Quase $190 milhões foram arrecadados internacionalmente e mais de $90 milhões foram arrecadados na área doméstica.
  • Com mais de $90 milhões cada, as três principais regiões que mais arrecadaram na carreira de Adele tem números muito próximos. Além das três, a cantora só veio uma vez para a América Latina para dois shows no México em 2016.

 DU7LwmF.jpg

GZ1cnMw.jpg

LOCAIS

 

  • Todos os locais em que a cantora fez no ano de 2017 se encontram no top dos dez locais que mais arrecadaram na carreira, até mesmo os que tiveram shows únicos. A cantora também é a mulher que mais fez shows de uma só vez no Staples Center, Los Angeles, a mulher que mais fez shows na mesma turnê no Madison Square Garden, New York City, ao lado de Madonna e ocupa a 4ª posição no ranking de mulheres que mais fizeram shows na The O2 Arena, London, mesmo com uma única ida lá para 8 shows na turnê de 2016.

2Lw83aW.jpg

MAIORES RENDAS E PÚBLICOS

 

Os shows da artista no ANZ Stadium, Sydney, foram os mais rentáveis por uma mulher nessa década. E ao lado dos também shows duplos no Etihad Stadium, Melbourne, e no Wembley Stadium, London, fazem parte do top 3 dos shows mais rentáveis por uma artista feminina nessa década. Ao lado de Taylor Swift, Adele é a única mulher que arrecadou mais de $8-9 milhões em um show nessa década e a única que arrecadou mais de $10 milhões.

lTsM56T.jpg

  • Os dois shows feitos no Wembley Stadium, London, em 2017 são os maiores que uma mulher fez desde Madonna em 1993 e sua apresentação para 120,000 pessoas no Estádio Maracanã, Rio de Janeiro. A cantora ainda iria fazer outros dois shows no estádio porém cancelou devido a infecção na garganta.
  • O primeiro show feito no ANZ Stadium, Sydney, totalizou 96,470 pessoas e o segundo show teve um total de 98,364 pessoas, totalizando 194,834 pessoas e renderam o recordes. O primeiro show feito no Etihad Stadium, Melbourne, foi para um total de 75,000 pessoas e o segundo para 77,300 pessoas, totalizando 152,300 pessoas.

 

A cantora quebrou recorde de público em todos os locais em que a cantora foi em 2017 e esta é também a única mulher na década a ter um ou mais shows para mais de 90,000 pessoas.

Xkek3og.jpg

RENDAS ANUAIS

 

Como esperado, as maiores rendas anuais da artista vieram da última turnê. Cada ano de atividade rende mais de $100 milhões e com destaque para o último ano com apenas 13 shows.

iS9Moeq.jpg


 

dCI3j89.jpg

 

  • Todos os locais em que a cantora fez no ano de 2017 se encontram no top dos dez locais que mais arrecadaram na carreira, até mesmo os que tiveram shows únicos.
  • A cantora também é a mulher que mais fez shows de uma só vez no Staples Center, Los Angeles, a mulher que mais fez shows na mesma turnê no Madison Square Garden, New York City, ao lado de Madonna e ocupa a 4ª posição no ranking de mulheres que mais fizeram shows na The O2 Arena, London, mesmo com uma única ida lá para 8 shows na turnê de 2016.
  • Os shows da artista no ANZ Stadium, Sydney, foram os mais rentáveis por uma mulher nessa década. E ao lado dos também shows duplos no Etihad Stadium, Melbourne, e no Wembley Stadium, London, fazem parte do top 3 dos shows mais rentáveis por uma artista feminina nessa década.
  • Ao lado de Taylor Swift, Adele é a única mulher que arrecadou mais de $8-9 milhões em um show nessa década e a única que arrecadou mais de $10 milhões.
  • Os dois shows feitos no Wembley Stadium, London, em 2017 são os maiores que uma mulher fez desde Madonna em 1993 e sua apresentação para 120,000 pessoas no Estádio Maracanã, Rio de Janeiro. A cantora ainda iria fazer outros dois shows no estádio porém cancelou devido a infecção na garganta. 
  • A cantora quebrou recorde de público em todos os locais em que a cantora foi em 2017. Adele também é a única mulher na década a ter um ou mais shows para mais de 90,000 pessoas.

 

 

 

7dF89Ai.png

Spoiler

[MUITO EM BREVE]

RYx3AGs.png

Spoiler

 

Aclamada desde o início de sua carreira, Adele já conquistou mais de 130 prêmios em um universo de 290 indicações.

 

PRINCIPAIS

 

18 BBMAs, incluindo 2x Top Artist, Top Female Artist e Top Billboard 200 Artist

15 Grammys, incluindo 2x AOTY, ROTY, SOTY, além de BNA

11 Guiness World Records

9 Brit Awards, incluindo 2x AOTY, SOTY, Global Success, além de Critics' Choice

4 BBC Music Awards, incluindo Artist, Album e Song of the Year

3 Ivor Novello, incluindo 2x Songwriter of the Year

3 VMA

1 Oscar

 

 

 

gBeDe0F.png

4ovWKgu.png4ovWKgu.png

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Publicidade

FACEBOOK

×