Ir para conteúdo

Pedro Evangelista

Carlinhos Maia, o "gay macho", dá entrevista sem modéstia: "sou quase uma emissora te TV".

92 posts neste tópico

Posts Recomendados

destaque-528886-carlinhos-maia-foto-joao

 

Carlinhos Maia não para! Depois de se assumir homossexual publicamente (deixando claro que era gay mas era macho) e contar ao mundo sobre seu casamento com Lucas Guimarães, que será em maio deste ano em Piranhas, no Alagoas, o humorista e influenciador número 1 nas visualizações de stories do Instagram se prepara para estrear como apresentador de um talk-show no Multishow.

Mas esta não será a primeira vez de Carlinhos na TV. Ele está no elenco da série 'Os Roni', também do Multishow, onde ele atua ao lado dos amigos e também humoristas Whindersson Nunes, Tirulipa e Géssica Kayane. Na entrevista abaixo, fala um pouco sobre o casório, vida pessoal e adianta como será o novo programa comandado por ele.

 

Como está a expectativa para estrear como apresentador de talk-show?

Eu estou muito feliz, muito realizado. Eu sou humorista, comunicador, empresário, influencer e esse vai ser outro meio de comunicação para me aventurar.

 

E o que podemos esperar deste programa?

Pode esperar muita verdade sempre. Pode esperar todos os amigos do Carlinhos Maia. Vai ser praticamente a 'Vila do Carlinhos' de tanta gente incrível que vai ter.

 

Como será o critério para escolher os convidados? Vai ter celebridade, youtubers e blogueiros?

Sim, vai ter todo mundo. Vai ter celebridade, vai ter mistura de gente famosa, vou misturar tudo! Ainda mais porque eu tenho liberdade para escolher os convidados.

 

Como surgiu esta oportunidade de apresentar um programa no Multishow?

Fui procurado por várias emissoras de televisão. Eu insisti muito para eles (multishow) analisarem e fazerem o programa de talk-show que eu sempre quis, né? Porque se a gente tem um sonho, a gente só consegue se se esforçar. Eles (empresários) acabaram descobrindo e indo atrás disso!

 

Você estava sendo bem disputado pelas emissoras da TV aberta. Pensa em algum dia migrar pra lá?

Penso. O SBT me chama muita atenção, inclusive.

 

O que te chamou atenção no SBT?

Não sei. É que eu me senti muito bem lá! Gostei muito do ambiente.

 

O MultiShow está investindo muito no humor. Eles já têm grandes nomes no elenco como Paulo Gustavo, Marcus Magella, Rodrigo Santana e agora você também. Pensa em mudar sua linguagem por causa do programa ou vai continuar se comunicando como sempre fez na internet?

Nem em outra vida! Vou manter o meu estilo de me comunicar que sempre tive. Não vai mudar em absolutamente nada. Serei sempre original e engraçado como sempre fui.

 

Teu programa pode ser uma oportunidade para outras pessoas que, assim como você, começaram na internet, possam ser mais reconhecidas?

O programa está sendo realidade para muita gente entender que é acreditando que se vence! Só com muito esforço se conquista as coisas. Quem quer, alcança.

 

Como grava programa, faz teatro, faz bomba de conteúdo nos stories do Instagram, planeja casamento, faz campanha publicitaria? Dá tempo de fazer isso tudo e ainda ter vida social?

Quando a gente ama o que faz, tudo fica mais fácil! Você enfrenta a dor só pra ver! É cansativo, mas tudo é, né? Até você sentado jogando sueca é cansativo.

 

A Kéfera Buchmann começou a carreira dela na internet e hoje está fazendo novela. Mas ela sempre deixou claro que usou a internet como uma vitrine para chegar até a TV. Com você foi a mesma coisa?

Sempre fui natural e espontâneo. Acho que eu me deixei fluir, me doei pra internet, encontrei minha própria audiência, que hoje é a maior do mundo inteiro. É muito louco você pegar seu telefone e falar com milhões e milhões de pessoas e saber que essas pessoas estão ali para lhe ouvir, entende? É uma credibilidade que eu acho sem tamanho! É imensurável, porque você se torna o número um, e eu sou quase uma emissora de TV, só que na internet. Meu alcance é maior do que o da maioria dos grandes nomes da televisão. Meu poder de influência passou a ser incalculável.

 

Seu público é bem gigante...

Sim. Meus stories dão quase 1 milhão de visualização. Maior que a Kim Kardashian. É uma loucura. Foram essas pessoas que me proporcionaram coisas como o título de homem mais sexy do mundo no ano passado.

 

Mas a partir do momento em que você viu que estava grande assim, você começou a mudar algo? Deixou de falar algumas coisas por conta da repercussão?

Não. Eu tenho que aprender a ser natural, porém mais moderado, porque o que eu faço pode machucar algumas pessoas. 

 

Ainda mais com essa geração politicamente correta, né?

Essa geração veio mesmo para se virar. Estão cheias de direitos e que bom que elas vieram. Agora tudo vai ter voz. Agora você não pode mais xingar alguém e saber que aquilo vai ficar impune. Isso vai ser mostrado. Então da mesma forma que eu errei quando não soube me pronunciar dentro de um assunto, eu posso vir a errar novamente e esses erros podem sair da vida virtual e ir pra vida real, e atingir pessoas diretamente. Só não gosto do mimimi e de cobranças descabidas. Se a vida é minha, eu tenho as rédeas e faço o meu caminho. Não gostou? Problema seu.

 

Então agora quando você vai gravar vídeos sabendo que tem milhões de pessoas assistindo você pensa mais antes de falar?

Não. Eu tenho naturalidade, porém tenho cautela para algumas pessoas não se machucarem. Se for algo que não machuca, eu falo 100%.

 

Seu casamento será em maio. Você demorou muito tempo para expor seu relacionamento e aí quando você decidiu contar ao mundo já veio logo com um noivado. Por que esperar tanto tempo?

É porque eu acho que amor não se explica, né? E são dez anos de uma história enorme e intensa... Então imagina? É uma história tão bonita que está sendo compartilhada com os brasileiros todos e está tendo quase 100% de aceitação. Por que desta forma? Porque foi uma história que nós criamos pra a gente primeiro e depois deixamos os outros participarem. E as pessoas estão esquecendo de viver as suas histórias. Elas filmam tudo, elas participam de tudo, entendeu? Então a minha história foi só minha. As pessoas que entraram agora fomos nós quem deixamos olhar.

 

E a sua família? Como eles reagiram ao casamento e ao noivado? Eles já sabiam da sua homossexualidade desde sempre?

Eu me apaixonei por uma pessoa, independentemente do sexo dela. Isso que importa. 

 

Como foi a reação deles quando você disse que iria se casar?

Normal. Foi tudo bem. Eles me apoiaram.

 

Quem vai entrar com você na igreja? Sua mãe?

Eu acho que sim. Ela sempre foi meu pai e minha mãe. E minha mãe sempre foi assim, ela topa tudo.

 

Você tem um público muito fiel. Seus fãs serão convidados para seu casamento?

Eu convidei só os especiais. E tem outra surpresa, mas mas eu só conto no dia para quem me seguir.

 

E seus padrinhos famosos? Os que você chamou tem o mesmo grau de amizade contigo, tipo a Larissa, o Whindersson Nunes e Tirulipa?

Todos que eu chamei é porque tiveram alguma participação importante na minha vida. A Larissa mesmo já esbarrou comigo no Chile um dia e foi muito legal. Estávamos eu, Lucas e ela, que foi muito parceira. Na hora sabia que iria convidá-la pra ser madrinha do meu casamento. A Simone, por acaso, estava no dia do meu noivado, então nem preciso dizer mais nada dela, né?

 

Você e o Lucas já moram juntos ou só depois do casamento?

Nós já moramos juntos.

 

Onde será a lua de mel de vocês?

Eu quero Grécia, e na verdade ele quer Grécia também. A gente ganhou luas de mel pelo mundo todo, acredita? Só faltou tempo pra poder ir. Até do Alok a gente ganhou lua de mel (risos). E olha que nem colocamos lista de presentes. Já ganhamos quatro viagens, mas devemos ficar com uma só. A princípio para a Grécia mesmo.

 

Qual dos dois sabe se virar em casa?

Nenhum dos dois (risos). Vamos pagar alguém pra fazer a parte chata.

 

E como faz então?

Aí é que tudo vira filme e fica divertido. A gente vai aprendendo...

 

Vocês pensam em filhos ou animais de estimação?

Animal de estimação já temos a Valentina (cachorra). E filho estamos pensando sim, só que mais pra frente...

 

O que mais te faz feliz nessa vida, Carlinhos?

Estar vivo.

 

E o que mas te deixa irritado ou de cabeça quente?

A injustiça. Ser injusto com alguém é algo imperdoável pra mim. Já fui muito injustiçado, até mesmo pelas redes sociais.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

"Foram essas pessoas que me proporcionaram coisas como o título de homem mais sexy do mundo no ano passado"

 

QUE

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Parabéns BRENDA ISADORA e povo da VILA que deu uma carreira pra ele, porque sem eles ele não era nada, aliás sem eles ele não é nada porque é totalmente sem graça e chato.

Compartilhar este post


Link para o post
Compartilhar em outros sites

Publicidade

FACEBOOK

×