Seth

Membros
  • Total de itens

    3.154
  • Registro em

  • Última visita

Reputação

3.953 Indicada ao Grammy

Sobre Seth

  • Rank
    #1 no Hot 100
  • Data de Nascimento 07/08/1997

Suas Informações

  • Localização
    Midtown High

Últimos Visitantes

2.428 visualizações
  1. Kevin Feige sobre Defensores no cinema: i09 foi lá e perguntou novamente ao Feige sogre a possibilidade e, surpreendentemente, desta vez ele foi mais otimista quando um crossover. “Não necessariamente. O futuro é um tempo muito grande. Então, a verdade é, eu realmente não sei. Mas várias dessas séries de TV estão sendo feitas e espero que continuemos a fazer muitos filmes. Em algum momento, haverá um crossover. Crossover, repetição, ou alguma outra coisa”.
  2. Se a Marvel tem os Skrulls, uma adaptação de Invasão Secreta não é tão improvável. Olha aí o que a Marvel pode estar planejando, e vai de encontro com o Feige falando que histórias cósmicas teriam forte impacto no futuro dos filmes pós Thanos.
  3. Pior que eu achei bem legal, me despertou interesse.
  4. Kevin Feige sobre os direitos cinematográficos dos Skrulls: Em entrevista ao SlashFilm, onde comentou as cenas pós-créditos dos filmes do Universo Cinematográfico da Marvel, Kevin Feige disse que a participação de Stan Lee no filme é sua favorita, e quando foi questionado sobre a ideia de que ele pode ser um Skrull, ainda que os Skrull não pertençam à Marvel Studios, o executivo logo contrariou o entrevistador: “Pertencem a nós sim.” O mesmo foi dito sobre os Vigias, e Feige explicou: “Há uma custódia em conjunto sobre várias coisas. Há personagens que não possuímos, mas fazem parte de raças que nós compartilhamos. Isso faz sentido?” Feige aqui se refere à raça dos Vigias e dos Skrull, embora personagens mais específicos, como Uatu ou o Super-Skrull não devam pertencer à Marvel Studios, e sim à Fox, devido à sua ligação com o Quarteto Fantástico.
  5. Já esperava que não estivesse em Infinity War, mas pelo jeito o Adam Warlock entrará efetivamente apenas em Guardiões da Galáxia Vol. 3, e como Vingadores 4 se passa antes, o Thanos deve ser derrotado sem a ajuda dele. Por um lado é chato que ele não participe desse arco, mas por outro podem ter tomado uma decisão necessária pra que os próprios personagens não sejam ofuscados e percam o protagonismo no quarto filme, ao mesmo tempo que criam uma ameaça maior para o futuro. Ele pode não apenas ser super importante pros Guardiões, mas também ser até mesmo o próximo grande vilão do MCU pós Thanos, já que ele pode se assumir como Magus, e se apossar da manopla do infinito em um possível Vingadores 5.
  6. Kevin Feige sobre Adam Warlock: O presidente da Marvel Studios, Kevin Feige deu uma nova entrevista, onde falou sobre a cena em particular que revela a criação de Adam Warlock por Ayesha. Segundo ele, “A cena envolvendo Ayesha e Adam Warlock surgiu no final das gravações, e no começo da pós-produção. Quisemos dar uma saída para ela no filme, e solidificar o propósito de sua participação. E quando chegou a premiere e ‘Vamos chamá-lo de Adam‘, as pessoas se perguntam quem seria esse Adam. Quando os fãs assistirem ao filme, eles saberão quem é Adam”. Ainda assim, Feige assegura aos fãs de que o personagem não estará presente durante a guerra contra Thanos: “Adam não está em Guerra Infinita. Aquela cena não é uma ponte para Guerra Infinita“. Ainda assim, há planos para ele nos próximos filmes da equipe: “[James Gunn] já brincou com várias versões de Adam nas primeiras edições dos roteiros dos filmes dos Guardiões da Galáxia. Então ele sempre foi considerado para a franquia dos Guardiões. E se ele aparecer em algum momento, no futuro, será com os Guardiões“.
  7. Amém Valquíria! Vai ser interessante.
  8. Minha crítica (com spoilers) para Guardiões da Galáxia Vol. 2 De início eu gostei bastante deles mostrarem a mãe do Peter e o Ego em uma versão mais jovem, isso deu uma profundidade na relação dos dois, e ainda serviu pra irem ainda mais fundo no sentimento causado pela revelação futura. O humor não me pareceu forçado como alguns falaram, eu achei forte sim, mas essa é a personalidade deles, prefiro quando vão fundo e fazem algo assim do que um humor comedido e pontual que destoa do restante. Houveram várias cenas bem engraçadas, e nenhuma delas me incomodou, especialmente o Rocket e o Drax me divertiram bastante. A Mantis me deu a mesma sensação de quando eu vi Toy Story 2 no que se refere a novos personagens interagindo com antigos, ela é aquela personagem que combina perfeitamente e que só estava esperando uma oportunidade pra fazer parte do grupo, e esse é tipo de coisa que eu esperava de uma sequência, adições legais que combinassem bem. A relação entre a Nebula e a Gamora foi interessante, mostraram um lado que eu não esperava. Ver a Nebula falando que só queria uma irmã enquanto a Gamora só pensava em vencer me fez entender suas motivações, toda a raiva que sentia, e ver a forma como Thanos lidava com as duas, as castigava, etc... me deixou animado pra vê-lo como vilão no próximo filme, e ir mais fundo nessa mitologia e relações "familiares". O Ego foi uma grande surpresa pra mim, eu já estava sentindo que ele seria o vilão da história, mas eu esperava algum tipo de redenção pelo filho no final, e eu nunca imaginaria que ele fosse se tornar O MAIOR BABACA, NOJENTO, DESGRAÇADO que o MCU já viu em toda sua história. A parte que ele diz ser o responsável pela mãe do Peter ter câncer me tirou lágrimas, até por um envolvimento pessoal que tenho com a situação, e me fez lembrar daquela primeira cena do primeiro filme, que já tinha me deixado bem impactado na época. Daí vem o ponto que eu considerei um pouco mais fraco no filme, Ayesha, inicialmente eu acreditava que ela seria a grande vilã, e que o Ego ajudaria os Guardiões a lutarem contra ela. Não exatamente, ao menos. Ela funcionou no que se propôs, mas meu hype em torno dela acabou me fazendo ter uma certa decepção. A raça dela foi bem estabelecida, achei as peculiaridades bem interessantes, e abrem margem pra muita coisa legal nesse universo, eles são os babacas com ar de superioridade que defendem o puro sangue, mas sempre fazem besteira. A redenção da Ayesha só veio pra mim no pós créditos pela criação de Adam Warlock, e aí que eu estou apostando minhas fichas. O filme acerta muito em expandir o universo cósmico do MCU, mostrar essas peculiaridades de diferentes raças, apresentar mais dessa mitologia, e estabelecer uma personalidade ao mostrar como as coisas funcionam no espaço da Marvel, a forma como eles se projetam em longas distâncias, etc.. Guardei o melhor pro final: Youndu! No primeiro filme eu já tinha notado o protecionismo paterno que ele tinha pelo Peter, aquele jeito durão, mas ainda assim eu apostava nele como o babaca que impediu o menino de encontrar seu pai é o usou pra suas práticas com o resto dos saqueadores. Não. Youndo sabia quem era o Ego, sabia do perigo que o Peter sofria, e o adotou, adotou de verdade, foi um pai, e o salvou do pior de diferentes formas. O restante dos Guardiões originais pareciam ter muito respeito por ele, e quando o Águia Estelar fala que ele tinha partido seu coração pra merecer ser expulso da ordem eu já percebi que ele tinha muito mais valor do que gostava de mostrar. Aí foi o plot twist pra mim. A mensagem do filme foi justamente essa, mostrar o que uma família realmente é, e o Youndu foi o verdadeiro pai do Peter desde o começo, assim como os Guardiões são uma família! A cena final deles prestando homenagem ao Yondu foi um dos pontos altos de todo esse universo, e não só do filme. Eu fico imaginando as implicações que isso terá pras próximas produções, afinal de contas, os Guardiões originais são um grupo novamente e eles estão por aí!
  9. Eu acabei comentando no grupo, mas vou fazer minha review pra cá também.
  10. Amo que estão usando Come As You Are do Nirvana no trailer de Defensores.
  11. Ninguém merece acordar e já se deparar com um tópico desses, sério. A pessoa fala de passar vergonha e escreve algo assim...
  12. Essa coletiva de agora cedo foi super zoada pelo jeito hahaha
  13. Povo doido perguntou pro Tom o que ele acha do Peter Parker ter um romance com o Wade Wilson!
  14. Tom disse que é fã do Wolverine e que estaria disposto a fazer um filme do Homem Aranha com o Deadpool. Extremamente improvável, mas né...